10% dos deputados federais são réus em processos na Justiça

Um levantamento realizado pelo portal G1 apurou que 10% dos deputados federais são réus em um ou mais processos criminais na Justiça. São 50 parlamentares que respondem a 95 processos no total, sendo que um único deputado corresponde a 30 processos. Os processos envolvem crimes penais e criminais eleitorais, tais como: calúnia, injúria, difamação, corrupção, falsidade ideológica, furto, estelionato, lesão corporal e tortura.

Dos 30 partidos ativos no país, 17 possuem pelo menos um deputado federal como réu em um processo. A sigla com maior número de deputados envolvidos em processos é o Partido da República (PR), com sete parlamentares. O estado que tem mais deputados respondendo a processos é o Ceará, com cinco pessoas nesta situação. Já na Bahia, três parlamentares compõe a lista: Charles Fernandes (PSD), Igor Kannário (PHS) e Tito (Avante).

O fato de um deputado federal ser réu em um processo não o impede de exercer o cargo. A depender do tipo do crime, caso o parlamentar tenha sido condenado e a sentença esteja transitada em julgado – quando não cabe mais recurso – ele pode vir a perder o mandato. Ainda assim, não é uma condição automática. Cabe a casa legislativa definir cada caso específico.

 

Fonte Bahia.ba

Comentários
Loading...